E começam as justificativas “oficiais”…

Mais uma notícia daquelas com meias verdades inconvenientes misturadas com falsas verdades convenientes, coniventes…

Penso que sabem muito bem, e por isso alertam informando as consequências, sem apontar as reais causas. Um fato interessante é que admitem que “se desaparecer totalmente, a placa de gelo causará uma mudança no eixo de rotação da Terra”. Juntemos a toda essa informação as possibilidades das maiores tempestades solares também previstas em publicações científicas e ‘oficiais’.

Precisa ser justificado aos incrédulos por alguma fonte “formal” que de fato mudanças estão por vir e, ficam as perguntas, ao invés destas ‘desculpas esfarrapadas’, quando será que seremos informados das verdadeiras causas? Quando começarão as atitudes de alerta e de prevenção dos órgãos competentes? Depois da tragédia, a exemplo dos acontecimentos das enchentes recentes? Pior, multiplicadas pelo planeta. Se você acompanha as notícias sobre o tempo, sabe que em todo o mundo eventos climáticos raros tiveram lugar nos últimos seis meses em proporções no mínimo estarrecedoras.

Tenho dúvidas se chegaremos a ‘2012’ parece que muito antes sentiremos os ‘efeitos’ das previsões e profecias diversas, e cai bem um velho ditado esquecido ao prever que ‘melhor é prevenir que remediar’… se é que existirá remédio.

Leia a notícia:

Aumento do nível do mar pode ser 25% maior que o esperado

da Efe, em Washington

O aquecimento global pode derreter a calota de gelo na Antártida ocidental e causar inundações no litoral da América do Norte e nas nações do Oceano Índico, segundo um artigo publicado pela revista “Science”.

Cientistas da Universidade Estadual do Oregon (EUA) descobriram que, se as previsões sobre o derretimento da camada de gelo da Antártida ocidental se confirmarem, o aumento do nível do mar será maior que o esperado.

Segundo pesquisas do grupo liderado pelo geofísico Jerry Mitrovica, pela física Natalya Gómez e pelo geocientista Peter Clark, os oceanos podem subir 25% mais do que o esperado, o que causaria grande impacto em cidades litorâneas como Nova York e Washington.

Até pouco tempo atrás, achava-se que o fim do gelo antártico faria o nível do mar subir cinco metros, disse Mitrovica, diretor do Programa de Evolução de Sistemas da Terra no Instituto Canadense de Pesquisas Avançadas.

Esses cálculos, explicou, foram feitos transformando o volume total da calota de gelo em água e considerando que a água derretida se distribuiria por igual no mundo todo.

No entanto, segundo os pesquisadores, esta é uma estimativa simplista, que não leva em conta outros efeitos fundamentais.

Força gravitacional

Em primeiro lugar, quando uma placa de gelo derrete, perde sua força gravitacional e faz com que a água se afaste.

Sendo assim, quando uma calota de gelo se funde, o volume de água diminui em um raio de 2.000 quilômetros e, consequentemente, aumenta progressivamente nas áreas mais afastadas.

“Se a placa de gelo no oeste antártico derreter, o nível do mar perto da Antártida diminuirá, mas aumentará muito mais do que o esperado no hemisfério Norte, por causa deste efeito gravitacional”, explicou o especialista.

O estudo, que será publicado em 6 de fevereiro pela revista ‘Science’, acrescenta que um dos fatores ignorados nas outras simulações é o buraco que ficará no solo rochoso sobre o qual a placa se sustenta.

Os cientistas dizem que primeiro ele se encherá de água. Mas preveem que, depois que o gelo desaparecer, o buraco diminuirá de tamanho, empurrando parte da água em seu interior de volta para o mar, contribuindo para aumento do nível dos oceanos.

Os autores do artigo dizem ainda que, se desaparecer totalmente, a placa de gelo causará uma mudança no eixo de rotação da Terra.

Deslocamento de águas

Esta mudança provocaria um deslocamento na água dos oceanos Atlântico e Pacífico, do sul para o norte, o que afetaria as áreas da América do Norte e do Oceano Índico meridional.

“O efeito de todos estes processos é que, se a placa de gelo da Antártida ocidental derreter, o aumento no nível do mar em muitas regiões litorâneas será pelo menos 25% maior que o esperado”, alertou Mitrovica.

Isto se traduziria em um aumento de seis a sete metros do nível do mar, “uma grande quantidade de água adicional, sobretudo ao redor de áreas urbanas como Washington DC, Nova York e a costa da Califórnia”, disse.

A comunidade científica ainda está debatendo que quantidade de gelo desapareceria se a placa ocidental derretesse, mas segundo o cientista, aconteça o que acontecer, “o trabalho comprova que o aumento do nível do mar que se produz em muitas zonas litorâneas povoadas seria muito maior” do que o indicado pelas primeiras estimativas. ( Fim da notícia)

… E nesta outra notícia arrumam em quem colocar a culpa, como se emissão de CO2 não fosse algo natural dos ciclos do planeta, teimam em relacionar com a poluição industrial, talvez para manter os países pobres bem longe do desenvolvimento, incrível, e a dominação pelo medo e culpa continua seu legado: co2 Especialistas relacionam emissões com vida cotidiana

Fonte: Folha

Sobre o tempo nestes útimos tempos…. acompanhe no site de metereologia da metsul a fonte desta e de outras imagens:

Ao meio-dia desta quinta-feira(05/02/09), a cidade de Paraná (Entre Ríos) foi atingida por um forte temporal. Assim como se deu em Santa Fé, a tempestade veio acompanhada de impressionante nuvem-arco. Pelo menos duzentas pessoas foram afetadas por alagamentos. Clique sobre as fotos para ampliar as incríveis imagens do temporal em Paraná. (metsul)

~ por arauto do futuro em fevereiro 7, 2009 sábado.

Uma resposta to “E começam as justificativas “oficiais”…”

  1. Infelizmente, os fatos estão acontecendo enossas autoridades insistem om suas mentiras…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s