Da série: Balanço Blacaute Brasil – BBB 2009 III – Os relatórios: técnico x teórico

*

Mais uma da série:

Balanço Blacaute Brasil

BBB 2009III

dos relatórios: técnico x teórico

*

Enfim alguns relatórios começam a aparecer e, como já previsto e profetizado, não foi culpa de Zeus, nem dos raios de Iansã,  o apagão que tomou conta de mais da metade do Brasil no dia 10/11/2009. Ainda sem aparecer a causa concreta, varia-se entre as desculpas que vão desde raios (eliminada agora pelo relatório técnico do Inpe) até ‘curto-circuitos‘ na rede. Seja qual for a resposta encontrada, a única certeza reza que o sistema É vulnerável. E talvez nem reza braba possa mantê-lo invulnerável…

Uma notinha da folha publicada hoje, on line, encaminha para o Blog do Josias, com a seguinte chamada :

Relatório do Inpe contraria a tese do governo de que raios causaram o apagão em Itaipu

Documento afirma que na hora do apagão raios
eram de baixa intensidade, informa o blog do Josias

Ou seja, relatório do Inpe, leia-se relatório técnico, contraria ‘tese’ política, ops, ‘tese’ do governo. Teoria, tese e prática nunca andaram mesmo de mãos dadas, muito do que na teoria ou na tese parece perfeito, na prática  demonstra impossibilidade técnica.

Leia o relatório completo do Inpe aqui.

Interessante é que apesar das notícias em quase todas as mídias jornalísticas enfatizarem que o governo entregará relatório na ‘segunda'(16/11/2009) ou na ‘semana que vem’, não é possível saber nem em que ‘segunda’ nem em que ‘semana que vem’, até agora não é possível encontrar nenhum link dos mesmos.

Pesquisando no site JusBrasil pudemos encontrar algumas das explicações pelo qual os relatórios ainda não foram entregues, estendendo-se por isso, o prazo para o PARECER do Ministério Público Federal, para dezembro 2009.

Parecer do MP sobre apagão deve ficar para dezembro

Extraído de: R7 Notícias –  26 de Novembro de 2009

O parecer do MPF (Ministério Público Federal) sobre as causas do apagão que atingiu 18 Estados no dia 10 de novembro deve ficar para dezembro. O procurador da República em Goiás Marcelo Ribeiro de Oliveira explica que o prazo de 15 dias anunciado dias após o blecaute não é religioso e que o governo está atendendo aos pedidos da procuradoria.

– Recebi laudos do Ministério de Minas e Energia, mas não são satisfatórios.

Agora, o procurador acredita que só no meio de dezembro vai ter todos os documentos em mãos. Só com os laudos será possível dar um parecer sobre as explicações dadas pelos órgãos do governo sobre o apagão.

Além do ministério, Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), Itaipu e ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) devem apresentar laudos técnicos sobre as causas do blecaute. Depois de receber os documentos, o procurador deve se reunir com especialistas para analisar os laudos.

Os documentos entregues pelos quatro órgãos do setor devem servir para uma apuração mais específica sobre as causas do apagão. Caso fique constatado que houve falha dos órgãos, eles podem responder a um inquérito civil público, a não ser que haja provas contra um possível responsável pelo apagão.

Oliveira explica que é responsável pela coleta dos documentos que vão ajudar nas investigações sobre o apagão. A partir da análise dos laudos, o Ministério Público dos Estados que sofreram com o apagão podem passar a ser os responsáveis pelo caso.

A Procuradoria está especialmente interessada nas comunicações entre os agentes do setor elétrico (geradores, transmissores e distribuidores), mas pede também atas de reuniões, notas técnicas e laudos produzidos desde que o apagão aconteceu.

O Ministério Público quer, ainda, que as autoridades se manifestem sobre o caso, indicando responsáveis e informações sobre se a pane não poderia ter sido evitada e se, a partir de agora, há medidas possíveis para evitar um novo blecaute.

Autor: Mônica Aquino, do R7

Aguardemos pois, o desenrolar deste imenso novelo emaranhado, enquanto isso deixamos aqui a hipótese mais convincente (e divertida) até agora que encontramos para o tal apagão:

A verdadeira causa do apagão

A verdadeira causa do apagão

no Arauto:

~ por arauto do futuro em dezembro 5, 2009 sábado.

Uma resposta to “Da série: Balanço Blacaute Brasil – BBB 2009 III – Os relatórios: técnico x teórico”

  1. Gente, este apagão foi causado por uma tempestade solar que alterou o campo magnético da Terra. Isto está comprovado nos gráficos da magnetosfera no dia que ocorreu o apagão. Está também relatado no site http://www.zetatalk.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s