O outro lado do SOL

O

outro lado do

SOL

Por: Kristen Neiling – www.thecamino.com.ar

Tradução livre: arauto do futuro

A atividade solar é neste momento a maior responsável pelas mudanças climáticas e do comportamento humano incluindo a violência, a agressão, a depressão e o descontrole das pessoas. A inter relação entre estes fatores existe e é importante para poder entender fatos que nos preocupa a todos.

As tormentas Solares estão afetando a atmosfera terrestre de forma mais forte desde aproximadamente 1999. É perigoso tomar sol a qualquer hora pelo risco de queimaduras graves. Isto não está relacionado ao buraco da camada de ozônio , mas sim que é algo maior e mais perigoso. ( clique para acessar, link original , sem tradução)

Síntomas: Podemos sentir-nos cansados, sufocados, com taquicardia, dores de cabeça, tonturas, alta ou baixa pressão, sono, náuseas, febre, zumbido de ouvidos, irritação entre outros sintomas. Isto se deve à intensidade das explosões solares que além disso afetam as comunicações e aparelhos eletrônicos de todo tipo.

Guía de clasificación de las explosiones solares

Que es el sol

Clima espacial hoy

(links diretos aos artigos , sem tradução)

O que fazer no caso de que sintamos de repente que o sol se torna muito brilhante, que queima muito, que não o podemos suportar ou nos dá náuseas

Indicadores em relação ao sol.

Se alguém sente ou percebe um incremento na luz do dia ou a luz se torna mais brilhante, ou se sentimos uma sensação de que o sol nos está queimando muito (actinic-luz- não visível causada pela sensação da pele queimando ainda que através da roupa e/ou nuvens) siga imediatamente as seguintes medidas:

1) não olhar ao sol, olhar ao solo ou um papel branco no solo. As sombras podem escurecer-se e a área ao redor do papel brilhar. Logo começa a desaparecer o brilho e a sombra se intensifica. Não esperem  retornar à normalidade em seguida, pode durar horas ou dias antes de voltar à luz solar normal. Neste caso não é conveniente viajar nem de dia nem ao entardecer.

Uma proteção efetiva para os olhos pode ser improvisada cortando um pedaço de plástico cor escura  e fazer cortes como se fossem pequenas rendas (rendado) e olhar através delas  e protegendo os olhos completamente com este material plástico. Esta forma se há usado por muito tempo no Ártico pelo brilho do gelo.

Cuidem seus olhos, sua vista

2) Imediatamente busquem refúgio em baixo de qualquer material que rechace a radiação  ou a absorva.

Isto pode ser uma estrutura de teto metálico, una garagem ou qualquer edifício que seja feito de cimento e aço. Quanto mais material tanto de metal como de concreto entre a pessoa e o sol, melhor.

Estejam também atentos a qualquer radiação que se reflete pelas janelas ou paredes que dêem para o exterior de um edificio.

Se estiver em um edifício distancie-se de paredes expostas à radiação solar, ou seja coloque-se no meio do edifício/edificação; ou em baixo de veículos, ou de baixo de escadas de casas que tenham essas áreas resguardadas.

Qualquer material que absorva a radiación solar é bom, por exemplo em uma biblioteca pública, os livros; Trens Subterrâneos.

No campo se pode utilizar qualquer material orgânico para tapar-se e produzir uma barreira de filtro solar

3) Evitar aparelhos elétricos ou sistemas eletrônicos. Estejamos conscientes que  a maioria de nossa infra-estrutura pode  tornar-se perigosa se o sol começa a emitir esse brilho perigoso e intenso e que outras partes do espectro de radiação também chegarão à Terra. Isto inclui eletricidade estática e dinâmica.

Enquanto as tormentas solares e as explosões progridem, a eletricidade que nos chega através da rede pode sobrecarregar-se também o que obviamente representa perigo de vida.

Qualquer estrutura de metal de superfície grande que não tenha descarga a terra pode sobrecarregar-se e converter-se em um perigo letal.

Por exemplo: áreas de desporte, colégios, shopping centers ou qualquer outro lugar que requeira grandes instalações elétricas.

4) Áreas industriais podem incendiar-se pela reação da radiação solar ou através de descargas  elétricas.

5) A infraestrutura de diversos materiais pode tender a degradar-se rapidamente, tal como o plástico, isolantes elétricos, vinílicos, plásticos em botes/veículos, coberturas de automóveis e fibra de vidro.

Por continuas descargas eléctricas produzidas pelas permanentes explosões solares pontes de infraestrutura metálica e linhas de alta tensão também podem constituir um perigo.

Estejam atentos, este é um momento muito diferente ao conhecido, há um alarme em todo o mundo.

Kristen Neiling

www.thecamino.com.ar

No vídeo, o sol no final de novembro e início de dezembro de 2009, leia mais aqui: La Prueba de que algo está cambiando en la actividad solar: El balanceo y las explosiones solares. ( sem tradução)

“No final,

nossa sociedade será definida não somente pelo que criamos,

mas pelo que nos recusamos a destruir.

A escolha é sua.”

(John Sawhill)

~ por arauto do futuro em dezembro 25, 2009 sexta-feira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s