EM NOME DO BEM.

EM NOME DO BEM.

Lamento informar que o mundo não acabará em 2012

e que não haverá fenômenos pirotécnicos

a nos livrar da árdua tarefa de consertar

os erros por omissão e comissão que cometemos,

todos resultando nesta civilização trevosa

em que continuamos inserindo filhos.

As palavras sagradas continuarão vazias

e sem sentido até que nos identifiquemos com as mesmas,

tornando-as nossas e, a partir de então,

não será Cristo, Buda, Maomé, Jeová

ou qualquer outro representante divino que nos salvará

através de específica instituição religiosa, porém,

seremos nós mesmos, ressuscitados no aspecto divino do Ser,

os que comandaremos a sagrada insurreição

contra o que permitimos nos oprimir.

Será sem ódio e sem rancor, apenas em nome do Bem.

.

Compartilhe tudo que for seu pois assim você superará as limitações produzidas pelos objetos. Ter muito ou pouco é irrelevante, importante é apenas que o que for seu possa ser também desfrutado por outras pessoas.

.

Permita que outras pessoas brilhem, porque isso facilitará tudo. Tentar ofuscar o brilho inevitável de certas pessoas seria o mesmo que tentar tampar o Sol com a peneira, uma situação que, certamente, beira o ridículo.

.

Divulgue o que de melhor você tiver idealizado. Em vez de gastar saliva em críticas e discussões, ocupe esse tempo na divulgação de suas melhores idéias, aquelas que já estão maduras, prontas para a realização.

.

A luta pelo domínio da situação é inútil, mesmo porque esse não seria o ponto mais importante do destino. O clima de competição pareceria normal, porém, nem sempre a normalidade brinda com saúde e bem-estar.

.

Dizem que é conversando que as pessoas se entendem, mas na prática raramente é isso. É notável a ansiedade com que todo mundo se agarra às suas exigências e razões particulares, não se chegando a lugar algum.

.

Nos dias de hoje você encontra muitas das idéias que você semeou no passado, porém, nem todas se mostraram úteis ou benéficas, a grande maioria precisa ser descartada. Isso servirá para fazer economia de idéias.

.

Em algum momento o impulso de ascensão do progresso diminuirá e ficará em suas mãos a responsabilidade de preservá-lo através do esforço. Agora tudo segue seu curso inerente, logo seguirá o que você determinar.

.

O entusiasmo é uma força extremamente positiva, mas selvagem, precisa ser domesticado para conduzir os passos de forma segura e progressiva. Sem a domesticação, você corre o risco de enfiar os pés pelas mãos.

.

Queira o bem de seus próximos, mas não teoricamente como faz o resto do mundo. Queira esse bem de forma prática, demonstrando com gestos que tudo é feito em nome do bem da maior quantidade possível de pessoas.

.

Você ainda pode desejar e achar melhor amadurecer as idéias antes de colocá-las em prática. Porém, este tempo terá de ser reduzido ao mínimo indispensável, porque de outra forma corre-se o risco de ser inoportuno.

.

As circunstâncias que limitam seus movimentos se tornam oportunas, porque tomar atitudes fortes no momento atual só aumentaria o tamanho dos problemas que se pretenderia resolver. Melhor continuar esperando.

.

Fonte: Quiroga

Anúncios

~ por arauto do futuro em março 4, 2010 quinta-feira.

Uma resposta to “EM NOME DO BEM.”

  1. Pois bem, quem oprime afinal? Quem costurou pseudo-valores tão mesquinhos? Quem os colocou, pacientemente, no coração das gerações? Quem poderia enganar tão bem para gerar tanta miséria, ganância, desigualdede, morte e ódios justificados ou não, a ponto de deixarmos de agir como humanos?
    Sinto muito, não fui eu. Foi você? Creio que não. Me diga quem foi, então, porque é um trabalho muito bem feito e ininterrupto. Seria um acúmulo de séculos? Um acúmulo de emanações de gentes tratadas como bicho por séculos sem fim. Existe ordem no universo que permita isso? É uma aberração o que está acontecendo aqui. Não há como não ODIAR o que está causando isso e, mesmo quem acha que lucra com isso. Eu sinceramente achava que era incapaz de matar. Hoje eu percebo que existem coisas que nem deveriam estar vivas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s