OBEDIÊNCIA E DESOBEDIÊNCIA.

OBEDIÊNCIA E DESOBEDIÊNCIA.

Durante algum tempo

parece divertido desobedecer à autoridade,

inclusive porque se descobre a falácia das pessoas

investidas no cumprimento da lei que não demonstram

através do exemplo que seja valioso segui-la.

Porém, autoridade e hierarquia de comando

não existem à toa, é o microcosmo

de uma arquitetura infinitesimalmente perfeita.

Ninguém se livra da autoridade desobedecendo-a,

mas executando com perfeição

o elo que lhe corresponde nessa arquitetura.

O divertimento fugaz oferecido pela desobediência

logo é substituído pelo estupor da autodestruição causada

e pelo dano provocado às pessoas próximas, as familiares.

O assunto, então, não é desobedecer à autoridade,

mas obedecer àquela que merecer essa dignidade.

.

Nenhuma rotina é perda de tempo, ainda que em muitos momentos sua alma se convença de que poderia dedicar-se a outros assuntos mais importantes, mas as tarefas domésticas o impedem. Reveja esse convencimento.

.

Ninguém é obrigado a obedecer você, mesmo porque essa não é a questão crucial de nenhum relacionamento. Ninguém deve assumir a posição de autoridade em relacionamento algum, ninguém é subalterno de ninguém.

.

Para que tentar evitar os assuntos que necessariamente terão de ser enfrentados para que tudo corra da melhor forma possível? Uma atitude dessas só pode ser autodestrutiva, não lhe parece? Melhor nem pensar nela.

.

Todos precisam de ajuda em algum momento e será então que você descobrirá se desenvolveu bons relacionamentos ou se por acaso agiu de forma desleixada demais para poder contar com boas amizades. A ajuda é a prova disso.

.

Sempre haverá alguém por aí com a alma convencida de estar de posse das melhores razões. Porém, todas essas razões poderiam ser contestadas, já que representam apenas uma das inúmeras visões da realidade.

.

Você pode dar a guinada desejada, mas terá de fazê-lo com tato e discrição, para não levantar poeira demais, já que se isso acontecer, em vez de você avançar se verá na necessidade de solucionar o tumulto.

.

Há emoções que esclarecem, porque informam a verdade mais íntima dos acontecimentos. Porém, há também emoções que confundem, porque traduzem as contradições, paradoxos e dilemas que circulam à solta na alma humana.

.

Em vez de gastar seu tempo brigando para ver quem é o dono da idéia, continue se esforçando objetivamente para tornar essa idéia concreta. A autoria da idéia só é de quem se esforçou para realizá-la na prática.

.

O entusiasmo não é inimigo do bom senso. Aliás, é nos momentos em que seu entusiasmo é contido pelo bom senso que acontecem as coisas mais interessantes, porque não há risco de fracasso por excesso de otimismo.

.

As pessoas excessivamente racionais vão perdendo, ao longo do tempo, a capacidade de maravilhar-se e surpreender-se, pois, ainda que em nome da ordem a razão seja imprescindível, isso não significa que a vida proceda assim.

.

A força dos desejos é imbatível, mas só quando essa serve para garantir coragem e atrevimento. Só desejar e ficar esperando que as coisas aconteçam por si sós acaba produzindo o contrário, frustração e fracasso.

.

Busque o grupo de pessoas com que sua alma sente familiaridade, por identificar-se com as idéias e tendências. Esse grupo é sua verdadeira família, a tribo que fornecerá a dinâmica excelente de relacionamentos.

.

Fonte: Quiroga

.

Lua quarto crescente em Libra, 18 de julho às 7h11, horário de Brasília. 
• Período de influência: De 15 a 21 de julho de 2010. 
• Dica: A sensação de estranheza que invadirá sua alma não será mera casualidade, há algo muito complexo em andamento, algo que supera infinitamente nossa capacidade de entender e explicar. Todas as previsões lógicas tendem a ser subvertidas em nome de nossa consciência humana garantir um ponto de observação menos pretensioso e, por isso, mais adequado ao que está em andamento.

Anúncios

~ por arauto do futuro em julho 19, 2010 segunda-feira.

2 Respostas to “OBEDIÊNCIA E DESOBEDIÊNCIA.”

  1. Muitas vezes engolimos relações trabalhistas injustas, mas elas não parecem nem um pouco injustas para quem as gerou e mantém.
    Praticamente todas as relações de trabalho obedecem ao conceito de mais valia, onde quem produz é apartado dos frutos da produção, colhendo apenas uma ínfima parte, o necessário para que possa continuar contribuindo para um esquema que não foi feito para ser mudado. Mas como já diziam nossos avós, não adianta dar murro em ponta de faca. O melhor é superar-se para superar o esquema montado, e ir procurando relações de trabalho melhores, com pessoas que já têm um vislumbre daquilo que você já sabe.

  2. Todo mundo tem uma autoridade a ser respeitada, cada um opera um raio e uma função neste mundo, alguns de forma mais justa, outros visando apenas a si mesmo.
    Respeitar uma autoridade não é o respeito à seus desmandos, quando eles existem, porque respeitar abusos é compactuar com eles.
    Respeitar uma autoridade é o respeito à função que ela cumpre, do qual está encarregada em responsabilidades e pela qual paga um preço. Ninguém está àtoa em lugar algum e mesmo o mais humilde pai de família é em si mesmo uma autoridade: outros dependem de seu suor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s