CONHECER, DESEJAR E ATUAR

CONHECER, DESEJAR E ATUAR

A obediência não é própria de personalidades

fracas e submissas,

mas de almas sábias que enxergam além de si mesmas,

com a visão de quem conhece a infinitesimal e infinita

estrutura cósmica,

desejando fazer parte dela e executando todo ato

que a necessidade estipule para a manutenção da ordem.

Enquanto isso, aqui na Terra parece divertido desobedecer,

porque isso seria demonstração de brilho próprio.

Porém, que brilho seria próprio

se somos todos fragmentos de eternidade?

Conhecer, desejar e atuar

de acordo com o Plano Maior nos liberta,

enquanto que tudo que esteja fora desse alinhamento

nos obriga a repetir incessantemente as mesmas tarefas,

já que não as cumprimos com perfeição.

Conheça, deseje e atue, tudo em uníssono para libertar-se.

.

Apesar de que as grandes perspectivas são muito mais prazerosas, você nunca conseguiria chegar nelas sem uma rotina suficientemente organizada.
Por isso, preservar a rotina nunca será perda de tempo.

.

Quando as coisas não saem do jeito esperado é porque outras perspectivas atravessaram o caminho. Teimar no jeito planejado originalmente seria o mesmo que evitar enxergar essas novas perspectivas.

.

Antes que a necessidade torne obrigatório o cumprimento de suas tarefas, tome a iniciativa de resolver esses assuntos com boa vontade e espírito leve. Só assim você terá disponível esse tempo livre que tanto busca.

.

Na hora de precisar de ajuda você compreenderá o valor dos bons relacionamentos e o quanto, talvez, aqueles que você considera amigos não mereçam ser chamados assim.

.

Ninguém pode obrigar outro a fazer algo. Todos tentam limitar a liberdade, mas afortunadamente esta virtude não comporta limitações nem distorções, é o que é.

.

É imprescindível tomar atitudes firmes perante as circunstâncias, mas de uma forma que não provoquem tumulto demais, porque se isso acontecer você perderá seu precioso tempo apagando incêndios.

.

Dessa vez, será melhor obedecer à razão e evitar dizer palavras que depois não poderiam ser desditas. Há muita emoção envolvida na situação atual, mas não aquela do tipo esclarecedora e sim a que tumultua.

.

Quando a humanidade entender a natureza da mente saberá que é impossível dizer de quem é a autoria de uma ideia, porque as idéias não têm donos. Só o esforço de realizá-las pode ser atribuído a alguém.

.

A vontade de ver tudo dando certo não deve obscurecer o bom senso necessário para continuar atendendo todos os detalhes da situação em andamento. Analise tudo com objetividade e distanciamento racional.

.

Em nome da organização, é propício analisar tudo sob a ótica racional. Porém, não tente você se convencer de que a vida procede de acordo com as regras lógicas, porque assim você perderia a melhor parte, que é a surpresa.

.

A esta altura não há espaço para ficar fazendo novos planos ou se entusiasmando com novas perspectivas. Antes disso, é fundamental que você complete o que tiver feito até aqui, os planos que já estão em andamento.

.

Sua verdadeira família é uma espécie de tribo, o grupo de almas com que a sua em particular se identifica. Nem sempre este grupo é a mesma família na qual você nasce, às vezes muito pelo contrário. Busque sua tribo.

.

Fonte: Quiroga

Anúncios

~ por arauto do futuro em julho 20, 2010 terça-feira.

Uma resposta to “CONHECER, DESEJAR E ATUAR”

  1. A melhor obediência, à meu ver, e não tenho a pretensão de esgotar assuntos nunca, é a obediência que se faz à própria consciência, quando está desperta o suficiente para discernir entre o necessário e o absolutamente desnecessário.
    Consciência da necessidade e ação adequada para não expandir as necessidades, mas resolvê-las.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s