O SER INOFENSIVO.

O SER INOFENSIVO.

O antídoto contra a tirania,

que revolta nossa humanidade moderna,

claro sinal de nossa evolução, é simples,

mas requer disciplina para ser aplicado.

Há os tiranos

feitos personagens em repúblicas e republiquetas,

mas principalmente há os tiranos subjetivos

que são o alimento desses personagens

e de todas as atitudes grosseiras e vis

que nossa humanidade desempenha todos os dias.

Tiranos como o mau humor, a soberba, a cobiça,

a luxúria, o senso de exclusividade, o ódio

e uma longa lista de entidades conhecidas por todos nós.

O antídoto contra esses tiranos reside

em nos tornar inofensivos, cordiais com todos os seres

porque partiríamos do princípio de que uma só Vida

anima todas as vidas e, por isso,

todas merecem nosso respeito e veneração.

O ser inofensivo é o ser verdadeiramente moderno.

.

Envolva seu coração em tudo que fizer e isso será, na prática, o maior avanço espiritual que você poderia empreender. Ainda que nada tenha a forma do que se imagina ser espiritual, mesmo assim o será.

.

Limpe a área dos relacionamentos para começar tudo de novo. Vale a pena tentar a renovação de toda a dinâmica dos principais relacionamentos que desenvolveu até agora. Bons relacionamentos são relacionamentos livres.

.

Nenhuma queixa deverá ser elevada, pois só uma consumiria um tempo precioso que seria mais bem investido na solução das limitações e circunstâncias adversas. Nada tema, de nada se queixe, cumpra as obrigações.

.

Relacionamentos de domínio entre as pessoas não merecem ser chamados de humanos, isso é coisa de animais. Se nós humanos fôssemos animais você não estaria aqui lendo estas linhas e especulando idéias nas entrelinhas.

.

A única certeza da atualidade consiste em haver muitas mais perguntas do que respostas. Enquanto esse panorama se preservar, você mantenha sua mente aberta e receptiva sem decidir-se por lado nenhum da história.

.

Nenhuma especulação se sustentaria durante muito tempo, as coisas andam mudando rápidas demais para alguém afirmar que as domina. Será sábio de sua parte aceitar tudo que acontecer e só depois julgar pelos resultados.

.

Antes de seguir em frente reserve uma boa fatia de tempo para resolver minimamente a complexidade dos vínculos familiares. Isso removerá percalços e adversidades que de uma e outra forma surgiriam no futuro.

.

Avance com fé, acreditando piamente em tudo que você pretende realizar e, ao mesmo tempo, conferindo na prática os resultados, se esses beneficiam as pessoas queridas ou se, pelo contrário, produzem discórdia e problemas.

.

Anote todas as novas idéias que surgirem em sua mente espontaneamente, pois provavelmente são verdadeiras inspirações que, com esforço e empenho, poderão ser postas em marcha e mudar sua vida para sempre.

.

Buscar o domínio agora seria buscar a perdição. Nada nem ninguém comanda o mundo na atualidade. Por isso sofrem mais os personagens que continuam posando na foto como se tudo estivesse bem no melhor dos mundos.

.

Faça o necessário sem importar-se com os resultados, com a alma desprovida de esperança de ganhar, mas tampouco cheia de medo de perder. Apenas faça o necessário e você experimentará a verdadeira liberdade.

.

A busca de liberdade resultou em você ter assumido mil e uma obrigações que aparentemente limitariam essa liberdade. Porém, não é assim, liberdade não é ter nada para fazer, mas fazer aquilo que sua alma ama.

.

Fonte: Quiroga

 

~ por arauto do futuro em março 6, 2011 domingo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s