TODOS OS EUS DE NÓS MESMOS

TODOS OS EUS DE NÓS MESMOS.

Sol ingressa no signo de Leão.

No fundo somos todos bipolares, ou melhor, multipolares.

O Eu que somos é fragmentado

na medida de nossa ignorância

de como funciona a Vida que somos

e na qual nos movimentamos.

Essa ignorância é enorme.

Há o Eu que nos mandaram ser,

o Eu que deveríamos ser,

o Eu que o mundo espera que nós sejamos,

há também o Eu que realmente somos,

mas como saber quem somos

se pouco conhecemos a Vida que nos anima?

Essa medida enorme de ignorância nos fragmenta

e por isso não nos admiremos

que a dispersão seja a nota dominante da existência.

Toda a fragmentação, porém, se reduz a uma ambivalência.

Há um Eu dedicado a fazer contato com a Vida Una,

o Eu Superior.

Na contrapartida há o Eu que busca experiências mundanas,

o Eu inferior, este é o fragmentado.

E vai tentar descansar com esse barulho todo!

.

As pessoas exigem a atenção que você desejaria receber também. Talvez neste momento ainda seja melhor você continuar fazendo concessões sem sequer pensar que no futuro haveria alguma compensação por isso.

.

Agora você deve tomar mais cuidado consigo mesmo, pois apesar da boa vontade de arrumar tudo e deixar as coisas em ordem é possível que as condições não seja oportunas e suas atitudes pareçam imposições desmedidas.

.

Inove e recrie seus comportamentos cotidianos, é necessário fechar alguns capítulos do passado e isso será acelerado com pequenas, simples, mas eficientes inovações na vida cotidiana. O pouco fará grande diferença.

.

Aquiete seus pensamentos, tome as rédeas do que você pensar, não permita que sua mente se transforme num tropel de cavalos desbocados. Dominar a mente é um enorme desafio, mas de fundamental importância.

.

Sem arriscar você nunca saberá se os seus planos poderiam ter dado certo. Nesse sentido não será propício pedir conselhos, porque as pessoas tentarão induzir você ao bom senso, contrário ao espírito de aventura.

.

É propício andar por terreno mais seguro, tomando atitudes prudentes. Porém, não faça isso ao ponto de perder de vista as aventuras que ainda não foram iniciadas. Apenas considere o momento atual como uma pausa.

.

É propício recuperar os ideais que foram parar no fundo da gaveta de sua mente, pois é desses que o entusiasmo se alimenta. É possível que esses ideais pareçam inexequíveis, mas de que valeria a vida sem tentar?

.

Sua importância pessoal será medida através dos benefícios que suas obras criarem para o maior número possível de pessoas. Por isso, não pretenda medir sua importância imediatamente, deixe isso nas mãos do tempo.

.

Depois de semanas de turbulência e dificuldade de separar a realidade da ilusão, agora parece que o Sol começará a iluminar os cantos confusos de sua mente e o esclarecimento sobrevirá. Aproveite intensamente.

.

É propício prestar um pouco mais de atenção ao círculo familiar, porque flui através desse uma energia básica que costuma ser desatendida, posta no automático. O que é básico nunca deveria ser deixado no automático.

.

Os relacionamentos humanos sempre serão complexos a maior parte do tempo e só eventualmente serão simples. Essa afirmação é realista, toda a complexidade dos indivíduos se potencializa através dos relacionamentos.

.

Divertir-se é essencial, muito mais ainda dadas as condições tensas dos últimos tempos. Ainda que você não tenha acertado tudo que desejava e que os problemas sejam enormes, mesmo assim será propício divertir-se.

.

Fonte: Quiroga..

.

Acompanhe Quiroga diretamente em seu blog  Boletins  Sincronia.

Anúncios

~ por arauto do futuro em julho 23, 2011 sábado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s