A PRECE.

A PRECE.

Data Estelar: Lua é Cheia no signo de Aquário.

Se você quiser falar

com o Altíssimo

não se dirija a sua excelsa presença

carregando consigo agruras e limitações,

se apresente como um Filho identificando-se com sua glória.

As agruras e limitações são criações nossas,

fruto do laboratório de experiências

mediante o qual testamos a nós mesmos

como organismos cósmicos de criatividade.

Essas são as correntes

feitas de pensamentos, emoções e atividades

que colocamos em marcha

e só nós, por tê-las inventado,

somos responsáveis por redimi-las e libertá-las e,

ao fazê-lo, libertar a nós mesmos.

Se você quiser inspiração

para reconhecer em sua própria alma

os meios para realizar essa tarefa,

então se dirija ao Altíssimo através de uma prece

alegre e descontraída;

essa será respondida instantaneamente.

Afinal, o Altíssimo não é distante;

é íntimo,

é a Vida de sua vida.

.

Tornou-se voz comum afirmar que relacionar-se seja difícil porque as pessoas são complicadas. Toda complicação do inexorável destino de relacionar-se é artificial. Ou seja, as pessoas complicam porque o desejam.

.

O fracasso de todo relacionamento consiste em as pessoas recusarem o desafio de aventurar-se além de suas bolhas existenciais individualistas. Só quando a alma fica encerrada em si mesma o relacionamento fracassa.

.

A impossibilidade de fazer valer sua vontade é claro sinal de ser propício um recuo estratégico. É melhor aceitar a derrota numa batalha do que colocar em risco o fracasso total por não saber medir a oportunidade.

.

Continuar fazendo demonstrações evidentes de força e impondo sua vontade significará se expor cada vez mais e, por isso, enfraquecer sua posição também. Reconheça o momento de recuar, que é agora mesmo.

.

Aproveite cada minuto disponível para o descanso, desfrute cada pequeno prazer que a vida lhe proporcione, isso habilitará sua alma a enfrentar com ânimo renovado as dificuldades e riscos do momento atual.

.

Ninguém deixa de obter o que deseja, mas é aí mesmo que radica o problema, pois, por acaso a alma sabe verdadeiramente qual é a natureza de seus desejos mais íntimos? Melhor, então, aprender a desejar direito.

.

Ninguém deve ser obrigado a deixar de mudar de opinião só para preservar a coerência. É melhor passar por incoerente do que sustentar opiniões decadentes. Porém, é honesto aceitar que se tenha mudado de opinião.

.

O desespero circula nada discretamente nos relacionamentos sociais e, por isso, o cenário não é propício para ficar fazendo piadas cujo conteúdo arriscaria você a criar encrencas. O humor não é o mesmo de antes.

.

Atualmente a regra da impunidade consiste em se praticar um crime e se por acaso alguém ousar denunciá-lo então quem o praticou fará acusações desse crime ao denunciante e, no fim, tudo terminará em discussão inútil.

.

Nunca negligencie seus princípios nem muito menos os comprometa, pois sem esses você não seria ninguém. As coisas são complicadas e requerem negociações difíceis, mas nada será motivo para abrir mão dos princípios.

.

A impressão de descontrole deixou de ser meramente isso, impressão, é comprovada na realidade cotidiana das corporações e instituições governamentais. Não há como os relacionamentos deixarem de ser afetados por isso.

.

Toda reviravolta é propícia e o mundo as produz em abundância na atualidade. É importante, porém, saber apreciar a natureza dessas reviravoltas, porque nem todas devem ser aproveitadas por você, apenas algumas poucas.

.

.

Fonte: Quiroga..

.

Acompanhe Quiroga diretamente em seu blog  Boletins  Sincronia.

.

.

Anúncios

~ por arauto do futuro em agosto 13, 2011 sábado.

4 Respostas to “A PRECE.”

  1. 24 Horas de LUZ CÓSMICA

    Data Estelar: Lua é Cheia no signo de Aquário.

    Nesta hora sagrada em que a Luz Cósmica é derramada durante 24h no planeta Terra (horas do sol direto de dia e horas de sol refletido na Lua Cheia de noite), as trevas tremem e temem, e reagem com desespero violento.

    Por isso os plantões dos hospitais e delegacias entopem de casos, já que o ser humano não está apto a metabolizar essa fluência de luz cósmica e pelo véu trevoso que cobre sua percepção acaba distorcendo tudo e fazendo parecer que o tempo da Lua Cheia seja dos monstros.
    Não é!
    Os monstros desesperam na Lua Cheia porque dança alegre e descontraído o espírito que lhes faz compreender sua futilidade e assim os exorciza.

    Tristemente, nossa humanidade presta atenção aos monstros enquanto dá as costas à luz que os empurra para a periferia do sistema.

    Porém, aqueles que olham para o lado certo, a fonte da Luz, neste momento sabem que é propício elevar orações alegres e descompromissadas em benefício de todas as pessoas honestas que há entre o céu e a terra. Sem buscar recompensa acabam encontrando-a também, suas almas são contempladas com um prazer que nenhuma outra experiência poderia fornecer.

    Ao mesmo tempo e considerando o acúmulo de erros ancestrais, esta é uma hora propícia para saldar antigas dívidas.

  2. Concordo plenamente. Nós temos o hábito de nos dirigirmos a DEUS, para lamenteções e pedidos chorosos. É imprescendível falarmos com o PAI nas horas alegres e compartilharmos com ELE nossos melhores momentos.

  3. Lua Branca (Mestre Irineu)

    Deus Te salve OH! Lua Branca
    Da Luz tão prateada
    Tu sois Minha Protetora
    De Deus Tu sois estimada
    Oh! Mãe Divina do Coração
    Lá nas Alturas , onde estás
    Minha Mãe lá no Céu
    Dai-me o Perdão
    Das Flores do Meu Pais
    Tu sois a Mais Delicada
    De todo meu Coração
    Tu sois de Deus estimada
    Oh! Mãe Divina do Coração
    Lá nas Alturas , onde Minha Mãe lá no Céu
    Dai-me o Perdão
    Tu sois a Flor mais Bela
    Aonde Deus pôs a Mão
    Tu sois minha Advogada
    Oh! Virgem da Conceição
    Oh! Mãe Divina do Coração
    Lá nas Alturas , onde estás
    Minha Mãe lá no Céu
    Dai-me o Perdão
    Estrela do Universo
    Que me parece um Jardim
    Assim como sois Brilhante
    Quero que Brilhes à mim
    Oh! Mãe Divina do Coração
    Lá nas Alturas , onde estás
    Mãe lá no Céu
    Dai-me o Perdao

  4. Quando a gente deseja ardentemente alguma coisa, e este desejo não é verdadeiro nem digno, acabamos atraindo o oposto ao desejado. Na verdade, a vida nos devolve a pílula que douramos com muitas ilusões, mas sendo ela o que ela é, sem brilho algum, porque não agrega consciência.
    Se observássemos atentamente as reais necessidades que nos fizeram recorrer a tais recursos e apelações que acabaram por distorcer a compreensão da verdade em nós mesmos, perceberíamos necessidades louváveis e perfeitamente adequadas a um caminho verdadeiro. Daí se pode mudar a rota.
    Pode ser assustador e constrangedor olhar as próprias sombras. Mas essa atitude consiste em nada menos em começar a colocar alguma luz nelas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s