E O AMOR?

E O AMOR?

Seja íntima, tímida e discretamente

ou de forma aberta, expansiva e absolutamente revelada,

nossa humanidade busca o amor em todas suas expressões.

Busca o amor como objetivo essencial para constituir família,

busca o amor para ser a melhor pessoa

que há em seu próprio coração,

busca o amor como recompensa de seus esforços,

busca perpetuamente o amor.

Se o amor é uma condição tão importante,

como é que não faz parte da educação sistemática

a maneira de desabrochar o amor no próprio coração?

Que erro fundamental é esse da civilização

que se importa mais com tudo que na prática

nossa humanidade não valoriza?

Quando alguém avança nas suas conquistas materiais,

logo quer o amor para celebrar, mas não o encontra,

porque se esqueceu de fazê-lo desabrochar

no fundo de seu coração.

.

De vez em quando é bom experimentar dar um passo maior do que a perna, pois nenhum progresso nunca aconteceria pisando apenas em terreno seguro. O espírito de aventura anda fazendo uma transfusão de energia a você.

.

A alegria que provém de objetos adquiridos é fugaz, porém, a alegria que advém dos momentos vividos junto a outras pessoas, essa perdura na memória, porque lança ao futuro vínculos misteriosos que se reproduzem.

.

As atrações irresistíveis que ocorrem espontaneamente infundem ânimo e motivam sua alma a continuar dando de si o melhor ao longo da vida. Deixe essa atração ir embora tão espontaneamente quanto surgiu, evite o apego.

.

Vem por aí um tempo de maior irritação e nervosismo, no qual o pavio do seu humor ficará bem curto e, evidentemente, haverá circunstâncias disponíveis para você se convencer de isso ser justo e necessário.

.

Quanto mais você brigar, mais suas razões diminuirão de tamanho e importância. Resista à tentação de brigar, especialmente se você considerar que o que está envolvido seja de grande valor para sua alma.

.

Ninguém se apaixona por decisão intencional, isso só pode acontecer espontaneamente. Planejar a paixão seria enfiar os pés pela cabeça, inverter, distorcer e complicar um processo que só acontece naturalmente.

.

Para que as pessoas façam as coisas do jeito que você imagina, você deverá adotar uma postura firme e tomar cuidado para não mudar de opinião no meio do caminho, imaginando que isso seria o mais natural do mundo.

.

As idéias vêm rápidas e vão embora velozes, se você se interessar por alguma delas terá de anotá-la. Isso faz parte do necessário esforço para domar a mente, ou você pretende continuar escravo dela?

.

A força do idealismo ressurge e circula através de relacionamentos que futuramente servirão a objetivos concretos. Procure não se estender demais no entusiasmo nem dar passos objetivos neste momento.

.

Depois de períodos tão extensos sob pressão e sob tiroteio de adversidades, nada mais justo do que experimentar o alívio de um momento sensual. Porém, nada programe, espere esse momento surgir espontaneamente.

.

A discrição será de grande valor nos próximos meses. Por isso, faça o que quiser, mas durante um tempo evite comentar antecipadamente suas decisões e atitudes, isso atrapalharia em vez de ajudar. Discrição fundamental.

.

O idealismo será fundamental. Porém, apesar do entusiasmo que a convicção interior sustenta, atributo essencial do idealismo, você deve compreender também a dificuldade de compartilhar essa visão com outras pessoas.

.

.

Fonte: Quiroga.

.

Acompanhe Quiroga diretamente em seu blog  Boletins  Sincronia.

.

Anúncios

~ por arauto do futuro em novembro 7, 2011 segunda-feira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s