RACIONALIDADE?

RACIONALIDADE?

A racionalidade de que tanto se gaba nossa humanidade

ainda é apenas uma potencialidade,

um estado virtual de coisas,

a possibilidade de um dia, num futuro desconhecido,

nossa espécie chegar a ser quem é capaz já mesmo de ser,

mas não é.

Na prática contemporânea nossa humanidade é passional,

uma criança birrenta que joga a sujeira no ventilador

toda vez que seus caprichos não são satisfeitos,

o que acontece na maior parte do tempo.

Alguns jogam a sujeira imediatamente,

outros a reservam para depois,

mas inexoravelmente a birra marca os dias e as noites

de nossa humanidade. Racionalidade?

Ainda é um exercício eventual,

poucos adultos verdadeiramente o são,

demonstrando seu crescimento

pela capacidade de superar frustrações

e de não se vingar do mundo inteiro por causa dessas.

.

Alguns argumentos são tão bons que legitimam qualquer disparate. Porém, na prática continuarão sendo disparates, dessa vez maquiados com argumentos geniais. Reconheça o momento de recuar e dar o braço a torcer.

.

Agarrar-se às conquistas feitas e defendê-las com todas suas forças significa, na prática, começar o inevitável processo de derrota. Mais importante do que defender o conquistado é continuar avançando.

.

Quanto mais força você fizer para combater seus inimigos, mais você alimentará as circunstâncias desfavoráveis que eles e elas provocam a você. Comece um novo ciclo de luta, dessa vez usando a arma da indiferença.

.

Voltar atrás e arrepender-se seria o melhor a fazer neste momento. Porém, o orgulho ferido sempre evocará respostas duras e selvagens, parecendo ser essa a única opção. Não é! Voltar atrás seria sinal de coragem.

.

Ainda que suas certezas sejam firmes como rochas, nem toda hora é propícia a fazê-las valer. Considere que há outras pessoas no mundo e que elas também têm suas certezas, muitas vezes contrárias às que você professa.

.

Qualquer assunto pode servir para iniciar uma discussão daquelas. Tudo é favorável a isso acontecer, mas não parece ser essa a melhor opção, a não ser que você queira perder tempo e recursos preciosos.

.

Continuar negociando o que evidentemente terá de ser sacrificado e deixado para trás seria uma perda de tempo. Quanto antes você se livrar do peso excessivo de projetos que nunca decolarão, melhor para todo mundo.

.

Para quem anda meio irritado, sobrarão motivos para alimentar esse estado, porque na prática deseja irritar-se, deseja ficar descontente, mas não conseguindo assumir seu desejo encontra culpados por todos os lados.

.

Melhor confiar mais no seu próprio raciocínio nas próximas semanas do que continuar pedindo conselhos. Use sua mente, se aprofunde no necessário conhecimento que desvende os enigmas que você precisa resolver.

.

Você pode usar o tempo que quiser para realizar seus desejos, e usá-lo já, agora mesmo. Porém, você também pode se responsabilizar por outros deveres e tomar a decisão de protelar a satisfação desses desejos.

.

Prefira transitar por trás dos bastidores do que se expor em demasia nos próximos tempos. Assim, com maior discrição você poderá ter mais segurança em tudo que fizer e, também, influenciar melhor o mundo.

.

Muitas coisas terão de ser refeitas, mas não veja isso como um atraso e sim como um processo de aprimoramento. A perfeição nas obras não é algo que possa acontecer logo na primeira tentativa, sempre é necessário repetir.

.

.

Fonte: Quiroga.

.

Acompanhe Quiroga diretamente em seu blog  Boletins  Sincronia.

.

Anúncios

~ por arauto do futuro em janeiro 23, 2012 segunda-feira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s