ECLIPSE LUNAR – 15-06-2011

ECLIPSE LUNAR

15-06-2011

NA ASTRONOMIA E NA ASTROLOGIA

“A vida é o hífen

entre a matéria e o espírito.”

Clique na imagem para ver mais fotos. Fonte: Jornal de Londrina

Observar a Lua cheia nascer hoje será um espetáculo!

Vale estar atento e deixar alguns minutos reservado para isso durante o final da tarde e início desta noite.

Permita-se desfrutar este espetacular fenômeno! Claro isso se na sua região o céu estiver claro.

Atualização 16-06-2011 – 11:30hs – Mais alguns dados interessantes sobre este eclipse do dia 15-06-2011

Porque a Lua Vermelha?

A cor avermelhada da lua quando se encontrava eclipsada é devido a que a luz solar, ao atravessar a atmosfera da terra, ficou dispersa. O grau de dispersão depende do espectro luminoso: os azuis, violetas e verdes sofrem maior dispersão que os componentes vermelhos e laranjas do espectro. Devido a isso, estes últimos componentes conseguem passar através da atmosfera terrestre refratando-se para a lua, que a converteu a uma “Lua de sangue” durante o eclipse.

Implicações da Lua Cheia com Total Eclipse Lunar no “visionário” Sagitário 

“A vida é o hífen entre a matéria eo espírito.” Augustus William Hare e Julius Charles Hare , de “Suposições na verdade, por dois irmãos” (1827)

A Lua Cheia / Total Eclipse Lunar ocorreu no “visionário” Sagitário (ontem 15-06 – 16:14 EDT), o signo do arqueiro esperançoso. Sagitário rege as nossas crenças e filosofia de vida pessoal e também rege as viagens de longa distância, a lei, o clero e o ensino superior. Este eclipse ocorreu em 24 graus de Sagitário, perto do Centro Galáctico (é o centro de rotação da Via Láctea, galáxia . Ele está localizado a uma distância de 8,33 ± 0,35 kpc (~ 27.000 ± 1.000 ly ) a partir da Terra  na direção da constelação de Sagitário, Ophiuchus , e Scorpius, onde a Via Láctea aparece mais brilhante ).  Um eclipse da Lua Cheia é um momento de libertação potente para esvaziar nosso conteúdo obsoleto. É também um momento de maravilhosa reflexão e iluminação.

Eclipses frequentemente aceleram eventos e podem trazer mudanças fatídicas que alteram permanentemente a paisagem que nos rodeia. Sua influência é dito, tende a durar até seis meses. Aquilo que estiver desmoronando com o eclipse de hoje, em nossa vidas, é o lugar onde estamos presentemente envolvidos na busca de maior significado e onde pode ser a necessidade de ajustar, desmontar, ou defender algumas de nossas crenças.

“Com arco e flecha cuidadosamente no reboque, nós apontamos para caçar o maior sentido de que nós sabemos é propositadamente aninhado dentro de cada um.

Fixamos nosso olhar ardentemente sobre o firmamento estrelado, meticulosamente procurando as pistas direcionais que irão apontar o caminho para a nossa própria mudança interna, nas constelações brilhantemente iluminadas. Sentimos que fazemos parte das estrelas.

Sim, nós estamos indo para casa novamente. O pai-mãe, o Centro Galáctico fez a gentileza de colocar um tapete de boas vindas e  de ligar suas luzes mais brilhantes para nós vermos claramente o caminho de volta à verdade. A verdade inteira. Nada além da verdade. Fonte: aqui

ASTRONOMIA

No dia 15 de junho teremos mais um espetáculo celeste. Um eclipse lunar total. Nós observadores brasileiros só veremos a segunda parte do evento. Isso porque a Lua nascerá totalmente eclipsada no horizonte leste e irá saindo da sombra da Terra a medida que sobe no céu.

Para onde olhar?

Se você quer acompanhar o eclipse basta olhar para o Leste (lado aproximado em que o Sol nasce) próximo das 18h e aguardar. O horizonte a ser observado deverá estar desobstruído. A Lua surgirá  obscurecida e avermelhada, parecida com a última da imagem a seguir. O eclipse será observado até às 19h aproximadamente quando começa a última fase penumbral (U4) que não pode ser percebida a olho nú.

Um eclipse lunar total ocorrerá no dia 15 de junho de 2011, o primeiro visível neste ano. Será visível no continenteafricano e na Ásia Central, também na América do Sul enquanto a lua surge no horizonte e na Austrália e no leste da Ásia enquanto a lua desaparece no horizonte. Terá magnitude 1,69[1]. (Wikipédia)

Para quem está no Alagoas, o Observatório Astronômico estará aberto ao público.

Na quarta-feira (15), os interessados em assistir ao eclipse lunar poderão fazê-lo no Observatório Astronômico Genival Leite Lima (OAGLL), localizado no Centro de Estudos e de Pesquisas Aplicadas (Cepa). O eclipse lunar ocorre quando a Lua, em seu movimento orbital, encontra a sombra que a Terra projeta no espaço. Ele pode ser total ou parcial.

De acordo com Adriano Aubert Barros, professor da rede pública estadual e coordenador do Observatório Astronômico, a probabilidade de o eclipse ser observado por nós alagoanos é pequena. “O observatório estará aberto a todos se as condições atmosféricas permitirem. Este será um espetáculo que ninguém deve perder. O melhor horário de observação será das 18h às 19h”, informa.

Ele acrescenta ainda que, por ano, no mundo todo, ocorrem de 2 a 7 eclipses solares e lunares. “A observação do eclipse tem grande apelo popular, uma vez que há uma série de mitos sobre este evento”, destaca.

Adriano adianta também que a lua nascerá por volta das 17h07 totalmente encoberta pela parte mais escura da sombra da Terra, a umbra. A partir das 18h02 irá lentamente saindo da umbra e penetrando na penumbra, que é a parte mais clara da sombra da Terra.

O coordenador do observatório frisa também que a lua sairá completamente da umbra por volta das 19h02 e da penumbra às 20h. “O OAGLL estará aberto ao público com seus telescópios de prontidão, aguardando esse espetáculo cósmico”, revela.

O Observatório Astronômico Genival Leite Lima funciona no Cepa e é uma iniciativa da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (SEE), que tem como parceiros a Secretaria de Estado da Ciência da Tecnologia e da Inovação (Secti/AL); Universidade Federal de Alagoas (Ufal) por meio da Usina Ciência; e o Centro de Estudos Astronômicos de Alagoas (CEAAL).

Diagrama mostrando a trajetória da Lua na sombra da Terra para o próximo eclipse. NASA Eclipse website

      O eclipse lunar ocorre quando a Lua em seu movimento orbital, encontra a sombra que a Terra projeta no espaço. Pode ser total ou parcial, dependendo se a Lua é totalmente ou parcialmente encoberta pela sombra da Terra  A distância do Sol à Terra e seus diâmetros determinam duas regiões na sombra da Terra, a umbra e a penumbra.

A umbra é a sombra mais escura e central, onde poucos raios solares incidem. Já a penumbra recebe a incidência de parte da luz proveniente do disco solar, por isso é uma sombra mais clara. Quando ocorre um eclipse lunar total, a Lua encontra primeiro a penumbra, chama-se esse momento de primeiro contato ou P1.inicia-se o eclipse penumbral.

É difícil perceber o escurecimento nesta fase pois a diferença na Lua antes  e depois de estar eclipsada é pequena. Depois que a lua entra na penumbra ela encontra a umbra, aí começa a fase do eclipse umbral. Esse momento é denominado segundo contato ou U1.Percebemos uma sombra encobrindo a região oeste da Lua e que progessivamente vai cobrindo toda a Lua.

No momento em que o limbo lunar leste encontra a umbra, ocorre o terceiro contato ou U2. Inicia-se aí a fase total do eclipse. Como o diâmetro da sombra da Terra à distância em que a Lua se encontra é maior que esta, ela permanece deslocando-se na umbra da terra. Quando o limbo oeste da Lua encontra  novamente a umbra, ocorre o quarto contato ou U3.

A fase de totalidade umbral do eclipse chega ao fim e inicia-se a fase parcial umbral. Esta fase acaba, quando o limbo leste da lua encontra o limite da umbra. Nesse momento se dá o quinto contato ou U4. A partir daí a Lua desloca-se na penumbra  até quando o limbo lunar leste encontra o limite da penumbra, esse momento é o sexto contato ou P4, que marca o fim do eclipse.

ASTROLOGIA

ECLIPSES

No próximo dia 15 de junho, todos os brasileiros terão o privilégio de observar um belíssimo fenômeno celeste: o eclipse total da Lua. Neste dia, logo após o pôr-do-Sol, a Lua nascerá em sua fase cheia (condição fundamental para a ocorrência de um eclipse do gênero), e já nascerá sendo “engolida” pela sombra projetada do nosso planeta. Se as condições climáticas de sua cidade permitirem um céu sem nuvens, vale muito a pena dar um tempo de suas atividades e se dar ao prazer de ficar uma hora olhando para a Lua. Se você tem crianças em casa, leve-as para ver o fenômeno. É algo que marca, que fica como boa lembrança e instiga à curiosidade pelo estudo de Ciências.

Não é preciso trabalho algum para ver o eclipse. Basta identificar o ponto cardeal leste, que é onde o Sol e a Lua nascem. Mesmo que você não saiba onde fica o leste, veja como é fácil identificar: olhe para onde o Sol está se pondo.O leste estará exatamente às suas costas.

Mas você pode se perguntar: “a Lua é tão grande, tão visível, nem preciso saber onde é o leste para vê-la nascer”. Isso é verdade, mas o problema é: e se onde você mora existirem prédios tapando a visão do leste? Você corre o risco de perder a visão do eclipse, pois ele não durará a noite toda, e sim apenas alguns minutos depois que a Lua se levantar no horizonte. Deste modo, identifique de antemão onde fica o leste, e procure um lugar que lhe permita ver a Lua nascer.

Astronomicamente falando, não é difícil compreender um eclipse lunar. Ele ocorre porque o Sol projeta a sombra da Terra sobre o disco da Lua, fazendo-a desaparecer gradualmente por algum tempo. Mas por que não ocorrem eclipses em toda Lua Cheia? Simplesmente porque há uma inclinação diferente nas órbitas da Lua em torno da Terra e da Terra em torno do Sol. Para haver eclipse lunar, é preciso que haja, também, o alinhamento, que só ocorre de tempos em tempos.

Eclipses são eventos periódicos tão belos quanto instigantes. Para nossos antepassados mais distantes, eram razão para grande temor. Imagine a cena: as pessoas estão trabalhando, e eis que de repente algo parece apagar o Sol. Ou devorar a Lua. Não à toa, a superstição popular atribuía a tais eventos significados de péssimo agouro. Um eclipse seria um sinal maligno do céu que traria grande sofrimento ao povo daquela região. Dizia-se que um eclipse solar era sinal da morte de um rei, e coisas do gênero. Nossa percepção das coisas mudou, e agora sabemos que eclipses são muito mais motivo de admiração e fascínio do que de temor.

E para a Astrologia, o que significa um eclipse lunar?

Para os antigos, não era um bom sinal, mas por motivos que eram mais supersticiosos do que dignos de nota. Atualmente, há uma tendência de boa parte dos astrólogos em reavaliar o significado dos eclipses, compreendendo-os como um momento especial de hipersensibilização de determinadas áreas do mapa astrológico de cada pessoa. Esta hipersensibilização não é necessariamente negativa, mas se o indivíduo não tiver muita consciência do processo, pode passar por dias complicados.

O próximo eclipse lunar do dia 15 de junho ocorrerá no eixo Gêmeos-Sagitário, próximo a 25 graus, afetando portanto de modo mais poderoso as pessoas que nasceram no terceiro decanato destes signos.

O terceiro decanato equivale aos últimos dez dias de cada signo. Para Gêmeos, envolve aproximadamente o período que vai de 10 a 20 de junho. Para Sagitário, o período que vai de 10 a 20 de dezembro. Se você nasceu nos períodos indicados, este eclipse do dia 15 tem mais a ver com você, que provavelmente se sentirá mais confuso(a) por aproximadamente 29 dias, tendendo a reagir de modo excessivo a coisas que antes não te afetariam.

O eclipse afeta também especialmente a sensibilidade das pessoas que têm o Ascendente em Gêmeos ou Sagitário, mas especialmente aquelas que nasceram com o Ascendente entre os graus 23 e 25 deste signo (algo que você pode checar vendo o seu Mapa Astral Personare).

O eclipse lunar pode também afetar pessoas com outras características astrológicas, mas apenas uma consulta a um astrólogo de confiança poderá detalhar com pormenores o que este fenômeno pode significar em seu mapa. De todo modo, é como eu disse: temos mais motivos para nos fascinar com a beleza do evento do que razões para nos preocuparmos. Relaxe.

Há muito tempo não temos mais medo do lobo mau. Nem dos eclipses! A Lua vai, o céu escurece, as trevas dominam… mas eis que a luz retorna em todo seu esplendor. Particularmente, é assim que vejo um eclipse: sinal de que, mesmo na súbita escuridão, a luz sempre há de retornar…

Os astrólogos desde os primórdios da tradição desta ciência, sempre foram apaixonados pelos Eclipses e lhes deram os mais variados significados. Historicamente se atribuiu aos Eclipses desgraças, catástrofes e eles sempre despertaram muitos temores. Os astrólogos contemporâneos continuam dando destaque e prestando muita atenção a este fenômeno celeste. No entanto, extraíram deles todo o caráter trágico e dramático, como convém ao homem contemporâneo.

Sempre que citamos a ocorrência de um eclipse, muitas pessoas ficam assustadas, reflexo dos registros antigos em nosso inconsciente coletivo. Alguns astrólogos antigos acreditavam que os eclipses eram um aviso do Universo marcando o início de um tempo de trevas, desgraças, grandes acidentes e toda sorte de coisas terríveis e assustadoras.

Hoje, os astrólogos têm uma visão diferente do significado de um eclipse. Todos sabemos que nossa consciência vem sofrendo uma série de transformações, fruto da expansão necessária para alinharmos nossos corpos com os tempos que virão. Quando falo em corpos, me refiro aos nossos corpos físico, etérico, astral e espiritual. Somos afetados 24 horas por dia pelas energias planetárias, e um eclipse total também nos afeta profundamente.

Eclipse significa ocultamento, perda de luz. Ele acontece quando o Sol, a Lua e a Terra se alinham perfeitamente, com a Terra entre o Sol e a Lua. Como a Lua não possui luz própria, ela se eclipsa, escurece totalmente, por causa da interferência da Terra. Quando observamos o eclipse, notamos uma forma redonda que aumenta lentamente; esta sombra é a sombra da Terra.

A origem da palavra Eclipse, vem do grego que significa Desmaio. O seu significado mais essencial portanto deriva do próprio nome: ocultamento, perda de luz. Astronomicamente, o fenômeno ocorre quando um corpo celeste é ocultado parcialmente ou totalmente por outro. Para que isso ocorra três astros precisam estar próxima ou completamente alinhados.

Nunca devemos estar “por um fio”, assoberbados ou sem espaço de manobra nas proximidades de um eclipse. O que estiver sob muita pressão irá transbordar ou se romper. Todo eclipse decide algo.

O melhor modo de se preparar para este fenômeno é eliminar aquilo que não queremos que se mantenha, criando espaço para acontecimentos surpreendentes em todos os setores da nossa vida.

 Eclipse Lunar:

Ocorre na Lua Cheia, quando o Sol, a Lua e a Terra estão alinhadas entre si com exatidão.
A Lua está completamente imersa na sombra umbral da Terra. Neste tipo de Eclipse a Terra se interpõe entre o Sol e a Lua. Como a Lua não tem luz própria, seu brilho vem da luz refletida pelo Sol. Quando a Terra passa entre os dois, impede que a luz do Sol chegue à Lua e ela fica escura. A forma redonda que vemos avançando sobre a Lua é a sombra da Terra.

No Eclipse Lunar, a sombra que a Terra está projetando sobre a Lua, naquele instante, é vista de forma idêntica por todos que observam da superfície da Terra.

O Eclipse Lunar provoca um confronto entre passado e futuro, mas é o futuro que deve vencer. Hábitos, apegos e experiências baseadas em comportamentos já conhecidos devem ser substituídos e dar vez a novas direções.

O impulso para novas tentativas e possibilidades deve nos guiar e nos libertar de erros e pesos de experiências anteriores. O que não aconteceu até agora e era apenas uma remota possibilidade tende a nos surpreender. Todo potencial pode emergir e tem força para se realizar num futuro próximo.

O Eclipse tem uma natureza imprevista e seus efeitos são inesperados. Podemos ser pegos numa crise e termos que dedicar total atenção a ela. Portanto, nunca devemos estar no limite de uma situação nas proximidades de um Eclipse. Devemos sempre ter alguma folga e espaço de manobra para podermos lidar com assuntos que emergem na vigência deste fenômeno.

Os significados básicos do Eclipse são:

Ocultamento.
Esquecimento
Crise e intensificação
Aceleração e precipitação
Inversão
Mudanças bruscas e inesperadas

Os pontos ou assuntos tocados pelos Eclipses atingem seu estado crítico.
Uma influência do Eclipse, por mais difícil, pode ser a mola que nos impulsione a libertar padrões que impediam um maior desenvolvimento e a busca de experiências novas. Idéias, insight, flashes, oportunidades e mesmo pessoas podem surgir inesperadamente em nossas vidas e despertar possibilidades e interesses que estavam inconscientes ou adormecidos.

Os Eclipses, portanto, podem provocar momentos de extraordinária “visão”. Aparece uma idéia, um tema ou um insight que dominam o nosso pensamento durante um Eclipse. Essa visão representa um momento de extrema clareza e entendimento. O que é percebido, conscientizado ou sentido, aqui, pode levar meses para ser reconhecido ou digerido.

Esta visão, no entanto, representa um daqueles momentos da vida onde nós vemos uma verdade intrínseca sobre nossas vidas ou sobre a VIDA. Este privilégio evoca uma mensagem que domina nossa consciência por meses, mesmo depois do Eclipse.

O tema que ocupa nossas mentes, surgido durante este período, pode produzir mudanças espetaculares em nossa consciência. O Eclipse Lunar (Lua Cheia) traz sempre uma experiência de despertar e um acontecimento incomum.

O Eclipse Lunar provoca uma carga adicional nas nossas emoções. Devido à intensidade das emoções e sentimentos que surge, podemos tentar buscar apoio e segurança que são ilusórios.

Durante a vigência do Eclipse passamos por uma limpeza. Finalizações, encerramentos, perdas de coisas podem ocorrer. Como os Eclipses estão simbolicamente associados à idéia de ocultamento, esquecimento, ocorre uma espécie de desligamento da memória.

As pessoas alteram atitudes, consciência e disposição sem se dar conta. Alguma idéia, circunstância, valor, sentimento ou até mesmo uma pessoa podem desaparecer ou cair no esquecimento. Como se a lembrança do que veio antes se apagasse. É uma espécie de suspensão. É como se alguma situação pudesse ser engolida pelo eclipse e caísse no vácuo da escuridão. A sensação é descrita pelas pessoas como uma “puxada de tapete”. Podemos ser forçados a nos livrar de atitudes, comportamentos, atividades ou pessoas que já foram muito importantes para nós. Crises podem se agravar afetando profundamente o relacionamento com outras pessoas.

Como se preparar para um Eclipse Lunar :

Primeiro, devemos criar mais espaço para nós mesmos, para lidar com as emoções que estão nos afligindo, pois, o nosso mundo interior está bastante afetado. Segundo, devemos dar prioridade às atividades mais concretas, que nos dêem chão e nos coloquem em contato com a realidade. Aquelas que provoquem mais sobrecarga e estímulo para a nossa vida psíquica devem ser evitadas.

Qualquer Eclipse traz situações inesperadas. A melhor preparação é abrir espaço para confrontar o que vier, para evitar um acúmulo de estresse que ocorre sempre quando já estamos vivemos um esquema de vida muito apertado, intenso e sobrecarregado.

Lunar 15- junho 2011

Dia 15 de junho acontece o segundo de três eclipses nos próximos meses, dentre os que acontecerão este ano. O mais significativo também, já que é lunar total (enquanto os demais são solares parciais) e, portanto, se dará em conjunção aos nodos lunares. Ocorrerá nos terceiros decanatos do eixo Gêmeos-Sagitário e só será visível totalmente no Hemisfério Norte.
.
Este eclipse afeta, astrologicamente, quem tem planetas ou pontos importantes do mapa nos terceiros decanatos dos signos mutáveis (principalmente Gêmeos e Sagitário, e, com menor intensidade, Virgem e Peixes), em especial entre os graus 24 e 28. Em menor escala, pode representar algo de positivo para os demais signos masculinos (Áries, Leão, Libra e Aquário), nos graus citados, e é irrelevante para os demais.
.
Na minha interpretação, este eclipse fala do resgate de faltas relativas a momentos em que, orientados, não necessariamente bem, por experiências anteriores, e para camuflar o nosso desconforto particular, nos opusemos de forma inflada e, por vezes, inflexível, àqueles que tinham alguma vantagem sobre nós (daí o desconforto), se tratando de integridade ou mesmo de estarem com a razão, apesar de seu comportamento, aparentemente, não fazer jus a esta vantagem, dando margem para tais ataques, uma vez que a nossa motivação foi basicamente de cunho emocional e provavelmente equivocada, enquanto o alvo estava bem posicionado em sua racionalidade.
.
Eu sei, é uma interpretação muito especifica, mas lembremos que estamos falando de alguns poucos graus de dois signos: não vale nada para a maioria das pessoas, como praticamente tudo em astrologia.
.
Pelo que tenho observado em relação a eclipses, algumas pessoas podem esperar por arrependimentos, afloramento de mágoas e até mesmo reencontros com pessoas, lugares ou situações. O eclipse representa o mergulho num determinado aspecto do nosso intimo (fonte de tais sentimentos negativos) e então o confronto dele com a luz da razão.
.

Os sete dias após o início da Lua Cheia

São favoráveis ao abandono de hábitos nocivos ao bem-estar físico e psíquico, às atividades sociais, à inauguração de espaços que visem ao grande público, à conscientização do que impede o crescimento, à comunicação de ideias novas e às atividades que exijam muito pique e energia.

A Lua Cheia é boa para iniciar atividades com grande número de pessoas e que contam com sua cooperação, mudança de casa ou da decoração, marcar eventos, pois a divulgação é rápida e eficiente.

Para quem quer engravidar essa é a Lua ideal, pois a fertilidade está no seu momento mais elevado.

O cabelo, quando cortado nessa Lua, aumenta de volume e os fios nascem mais fortes, porém crescem mais lentamente.

Não é o momento adequado para fazer cirurgias ou arrancar dentes, pois o risco de hemorragia e infecções é maior.

Cuidado ao dirigir porque há maior propensão a acidentes de trânsito.

O humor das pessoas fica alterado, as brigas são mais frequentes e as delegacias ficam com maior movimento.

Fontes de pesquisa para este artigo:

ASTRONOMIA

ASTROLOGIA
Atualização 15-06-2011- 20:30hs

AGRADECIMENTO!

Agradecemos especialmente as fontes, que deram origem a esta pesquisa.

Agradecemos a todos as

 + de 12 mil visitas

 que fizeram deste post

o mais acessado do blog.

Blogs of the Day

June 16, 2011: Top Posts

Dentre os 100 blogs mais acessados do dia, estivemos hoje  em 17° lugar no Top Post do WordPress, só a vocês que agradecemos!

É para vocês que mantemos este espaço!

Somos gratos por todos os comentários e convidamos para visitar ou outros posts e artigos!

Voltem sempre!

About these ads

~ por arauto do futuro em junho 15, 2011 quarta-feira.

13 Respostas to “ECLIPSE LUNAR – 15-06-2011”

  1. Parabéns pelo post… de longe o melhor e mais completo que vi sobre esse eclipse

  2. Muito legal, parabéns!

  3. Ocultamento.
    Esquecimento
    Crise e intensificação
    Aceleração e precipitação
    Inversão
    Mudanças bruscas e inesperadas

    MUITO MASSA VAMOS VER!!!
    QUE OS CÉUS SE ABRAM HOJE!

  4. Eu vou ver de camarotee \o/

  5. o eclipse lunar de 15 de junho esta acontecendo aqui na janela do meu quarto.posso dizer que este processo é muito interessante e nao posso dizer que tambem sou muito previlegiada .

  6. isso vai ser d+

  7. queria ver o eclipse + acho q já perdi ele queria vê-lo acho tão Bonito
    Beijos BJS bjos beijin

  8. [...] Eclipse Lunar – 15-06-2011 ECLIPSE LUNAR 15-06-2011 NA ASTRONOMIA E NA ASTROLOGIA Observar a Lua cheia nascer hoje será um espetáculo! Vale [...] [...]

  9. nossa esse eclipse foi realmente um dos melhores ! nuca houve desde que existo um tão bonito ….nao acompanhei por inteiro mas os pequenos pedaços que analisei deu para perceber sua beleza!SABER QUE TEM PESSOAS QUE ESTÂO AFETANDO ISSO ! nem sabem o qu estavam fazendo ;E quem perdeu,nao devria pois foi lindo

  10. esse eclips esteve em meu quintal maravilhaaaa
    realmente sem comentarios

  11. Eu não vi quase nada meu irmão que me falou que tava tendo eu fui ver… ja tava acabando tava na parte meio alaranjada com preto

  12. foi incrível, lindo

  13. Só hoje li o vosso artigo e fiquei encantada! Assisti o eclipse na quarta-feira mas ainda não tinha conhecimento da sua importância a nível astrológico.
    Posso dizer que nessa noite e no dia seguinte o abismo do meu passado, repetindo “velhos e maus hábitos” , mas vi a luz do meu futuro. Conheci pessoas lindíssimas que me poderão ensinar muito e tive uma boa notícia a nível laboral. No entanto tenho mesmo que fazer um balanço da minha vida, deixar para traz o que já não faz sentido e abraçar uma nova fase da minha vida. Obrigada por todos os artigos que recebo no meu mail. Abraçinhos de luz!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 421 outros seguidores